26 set 2011

Empate na raça, na juventude e na experiência



Foi na raça. Na juventude de Henrique. Na experiência de Rivaldo. Na categoria de Rogério Ceni. O São Paulo, desfalcado de três titulares, foi buscar um resultado perdido no Engenhão e mostrou ser uma equipe muito guerreira. Na tarde deste domingo, o Tricolor empatou em 2 a 2 com o Botafogo, no Engenhão.

Após um primeiro tempo abaixo do esperado, o São Paulo foi para o intervalo perdendo por 2 a 0, com dois gols de Loco Abreu. No entanto, após as mudanças de Adilson Batista, Henrique e Rivaldo, que saíram do banco, ajudaram o Tricolor. Primeiro o garoto, depois o experiente jogador, que marcou nos acrésimo após assistência de Rogério Ceni.

Com a igualdade heróica, o Tricolor segue próximo da liderança com 46 pontos, três a menos que o Vasco, que venceu o Cruzeiro na rodada. Para quem estava perdendo por 2 a 0, fora de casa, para um candidato ao título, o empate deste domingo tem de ser muito comemorado pelos são-paulinos.

  RIVAL SAI NA FRENTE

Sem o artilheiro Dagoberto, o meia-atacante Marlos ganhou a disputa que travava com os garotos Willian e Henrique. O camisa 11 fez dupla de ataque com Lucas. Já nas vagas de João Filipe e Casemiro, Xandão e Denilson foram os escolhidos, respectivamente.

Apostando no toque de bola do meio de campo e nos contra-ataques, o São Paulo iniciou melhor a partida, com mais posse de bola. O Botafogo, porém, era mais perigoso quando chegava ao ataque. Aos 20 minutos, Cícero quase abriu o placar de cabeça.

Três minutos depois, Lucas tentou encobrir o goleiro Renan e perdeu ótima chance. Foram as duas únicas oportunidades do Tricolor no primeiro tempo. Já o time carioca abriu o placar aos 24, com Loco Abreu. Aos 39, de pênalti, o atacante uruguaio ampliou o marcador.

 BRILHA A ESTRELA DE RIVALDO

Na volta do intervalo, o técnico Adilson Batista fez a primeira alteração na equipe. Colocou Rivaldo no lugar de Juan. Com isso, o volante Carlinhos foi deslocado para a lateral esquerda. Aos 14, quem chegou mais uma vez foi o Botafogo, mas Loco Abreu perdeu ótima chance.

Aos 16, o zagueiro botafoguense recuou a bola para o goleiro Renan, que pegou com as mãos. O árbitro marcou falta em dois lances dentro da área. Rivaldo e Lucas tentaram, mas o time carioca aliviou o perigo. Xandão de cabeça, no lance seguinte, também quase marcou.

Já aos 18, Henrique entrou no lugar de Marlos. E o camisa 17 entrou ligado. Aos 20, aproveitou rebote e diminuiu para o Tricolor. O gol empolgou o São Paulo, que seguiu pressionando o rival. Aos 24, Henrique tabelou com Wellington, que acertou a trave.

Na última tentativa de empatar o jogo, Adilson colocou Jean na vaga de Piris. O Tricolor seguiu em busca do segundo gol, mas o time carioca armou uma barreira difícil de furar. Difícil: a especialidade de Rogério Ceni! Nos acréscimos, o goleiro bateu falta dentro da área e achou Rivaldo, que fez o gol de empate. No fim, Rivaldo ainda teve a chance da virada, tocou por cobertura, mas a bola foi alta e, caprichosamente, não entrou.

O clube já anuncia a volta do atacante Luis Fabiano no próximo domingo, contra o Flamengo, no Morumbi.

Texto:site oficial do São Paulo


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


22 maio 2018
Tupi tem barca, saída de preparador físico e contusão em dois dias

22 maio 2018
Panathlon Club JF comemora sucesso da 6ª Feijoada do Esporte

22 maio 2018
Perrout exalta “time” CRIA-UFJF em Recife: “Todos melhoraram marcas”

21 maio 2018
Após assinar com ArcelorMittal, JF Vôlei estuda parceria diferente com Sada

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.