01 set 2011

Borges comanda reação histórica: 3 a 3 no Beira-Rio



Com o brilho de Borges, o Santos FC conseguiu um empate histórico com o Internacional, nesta quarta-feira (31), no Beira-Rio. Aos 26 minutos do segundo tempo, o Peixe perdia por 3 a 0 e o jogo parecia decidido. Porém, Borges descontou de cabeça aos 30 minutos, deu o passa para Alan Kardec marcar o segundo para os santistas e converteu o tento de empate aos 42 minutos.

Ao marcar duas vezes, Borges se isolou na artilharia do Brasileirão, com 14 gols. Com o resultado, o Peixe chegou aos 23 pontos e manteve-se na 14ª colocação no Brasileirão.

O confronto do Santos FC contra o Botafogo, pela próxima rodada do Brasileirão (21ª), foi adiado em razão da convocação de Danilo, Neymar e PH Ganso para o amistoso da Seleção Brasileira contra Gana. O time de Mano Menezes joga no dia 5 de setembro, em Londres.

Assim, o Peixe volta a jogar pelo Brasileirão somente na próxima quarta-feira (07), contra o Avaí, na Ressacada, pela 22ª rodada.

O Jogo

O Internacional abriu o placar logo aos sete minutos de jogo. Após cruzamento, Bolívar cabeceou para o chão, sem chances de defesa para Rafael.

Após o gol, o Santos FC teve mais posse de bola, mas se expôs para o contra-ataque. Nei apareceu pela direita e cruzou na cabeça de Leandro Damião, que ampliou de cabeça.

Depois do segundo gol colorado, o jogo esfriou. O Santos FC teve boa chance aos 35 minutos, quando Léo invadiu a área, arriscou, mas mandou por cima do travessão.

Nos últimos cinco minutos, o Santos FC teve duas chances com Danilo. Na primeira, o volante quase marcou um gol olímpico. Muriel afastou o perigo. Na segunda, ele arriscou de fora da área, mas novamente o goleiro colorado defendeu. Assim, a primeira etapa terminou com a vitória parcial do Internacional por 2 a 0.

Segunda etapa

O Peixe voltou do intervalo com uma alteração. Precisando buscar o resultado, Muricy Ramalho trocou Pará por Alan Kardec.

A primeira chance do segundo tempo foi do Internacional, com Leandro Damião. O centro avante cabeceou forte, mas mandou para fora.

Aos 18 minutos, o Peixe teve boa chance. A zaga do Inter entregou de presente para PH Ganso, que arriscou de fora da área, mas mandou pela linha de fundo. Quatro minutos depois, foi a vez de Borges girar bonito e finalizar. Muriel fez difícil defesa.

Mas o Internacional chegou ao terceiro gol, aos 26 minutos. O arbitro marcou falta de Edu Dracena em Bolivar. Oscar cobrou no canto esquerdo, sem chances para Rafael.

Porém, o Santos não estava morto e empatou o jogo em 10 minutos. Aos 30, Alan Kardec cruzou Borges cabeceou para o fundo do gol. Foi o 13º gol do artilheiro do Brasileirão.

No segundo gol santista, as funções se inverteram. Borges brigou pela bola na direita e cruzou para Alan Kardec, que bateu rasteiro e diminuiu para o Peixe.

O técnico Muricy Ramalho fez mais duas substituições para buscar o resultado. O meia Felipe Anderson entrou na vaga de Adriano e o jovem Crystian substituiu Léo, na lateral esquerda.

O improvável empate do Peixe aconteceu com Borges, o astro da noite. Ele roubou a bola dentro da área, cortou para o meio e seu 14º gol na competição

Texto: site oficial do Santos


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 abr 2018
Copa Prefeitura Bahamas de Futsal: resultados do Boletim 7

24 abr 2018
Série C: Tupi perde seis posições e recebe Operário-PR sábado

24 abr 2018
Mais uma do Toque de Bola: baixe o seu wallpaper do acesso do Baeta!

23 abr 2018
Simão revela que Ademilson não disputaria Módulo 2 e garante artilheiro na Primeira

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.