16 jul 2011

Volta para Vila com vitória



Voltar a Vila Belmiro, após mais de um mês, fez bem à equipe do Santos FC. Com gols Danilo e Borges (pênalti), o time do técnico Muricy Ramalho venceu o Atlético-MG por 2 a 1, neste sábado (16), pela 10ª rodada do Brasileirão. Na partida, Peixe atuou sem metade de seus titulares. Elano, Neymar e PH Ganso defendem a Seleção Brasileira na Copa América. Adriano, Léo e Edu Dracena não jogaram em razão de lesões.

Com o resultado, o Peixe chegou 11 pontos e ocupa provisoriamente a 13ª colocação, que para ser confirmada depende dos resultados do complemento da 10ª rodada, neste domingo (16).

O Santos FC volta a jogar somente daqui a dez dias. O Alvinegro Praiano recebe o Flamengo na Vila Belmiro, no dia 27, pela 12ª rodada do Brasileirão.

 O Jogo

No início da partida, o Santos FC teve mais posse de bola, mas as duas equipes criaram pouco. No entanto, a primeira chance efetiva foi do Atlético-MG. Daniel Carvalho deixou Jônatas Obina na cara do gol, mas o atacante chutou para fora.

Em lance de perigo do Santos FC, o Wesley Santos avançou, invadiu a área, com Leandro Silva acompanhando. O lateral do Peixe caiu na área e os santistas reclamaram o pênalti. Mas o árbitro nada assinalou.

Com mais volume de jogo, o Santos FC faz outro bom lance. Felipe Anderson fez boa jogada pelo meio e tocou para Diogo. O atacante girou, arriscou, mas mandou por cima do travessão.

E o Peixe abriu o placar aos 23 minutos, com um golaço de Danilo. O volante arriscou de fora da área e acertou um belo chute no alto, sem chances de defesa para Giovanni.

Mas os santistas tiveram pouco tempo par comemorar. Bruno Rodrigo derrubou Magno Alves na área e na cobrança do pênalti, Jônatas Obina converteu.

Depois de empatar, o Atlético equilibrou o jogo. Aos 30 minutos, Magno Alves tabelou com Daniel Carvalho, o meia arriscou no canto direito do gol, mas Rafael mandou para escanteio.

Porém, o Peixe voltou a ficar à frente aos 40 minutos. Bruno Aguiar sofreu pênalti e na cobrança Borges bateu forte no canto esquerdo, sem chances de defesa para Giovanni. Assim, a primeira etapa terminou com a vitória parcial do Santos FC por 2 a 1.

 Segundo Tempo

O Peixe voltou do intervalo com uma modificação. O atacante Tiago Alves, de 18 anos, entrou na vaga de Diogo.

Nos 15 primeiros minutos da segunda etapa, as duas equipes criaram pouco. Na única boa chance, Felipe Anderson chutou de fora a área e a bola passou com muito perigo à direita do gol de Giovanni.

Muricy Ramalho mexeu mais uma vez na equipe. O lateral Wesley Santos saiu para a entrada do zagueiro Vinícius Simon. Com a alteração, Pará foi deslocado para a esquerda e Bruno Aguiar foi para a lateral direita.

O Atlético tentava pressionar, mas pecava nas finalizações ou parava nas defesas de Rafael. Aos 24 minutos, Magno Alves cruzou com muito perigo na área do Santos, Jônatas Obina não conseguiu alcançar e Rafael mandou para escanteio.

Aos 27 minutos, Magno Alves invadiu a área pela direita, cruzou com perigo, mas Patrick não conseguiu dominar para chutar a gol. Rafael ficou com a bola.

Até o final da partida, o Galo tentou pressionar, mas o Santos se segurou e garantiu a vitória na Vila Belmiro.

 Texto: site oficial do Santos


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 nov 2017
Com vídeos! Sucesso dentro e fora da quadra, Copa Toque de Bola de Futsal promete emoção na reta final

22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.