28 jul 2011

Empate no Olímpico



O América conseguiu um bom resultado no estádio Olímpico, nesta quarta-feira (27/07) à noite, ao empatar em 1 a 1 com o Grêmio, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe americana abriu o placar com um belo gol de cabeça do zagueiro William Rocha, em jogada ensaiada de bola parada. Mas na segunda etapa, também em jogada de bola parada, o Coelho perimitiu o empate, deixando escapar sua primeira vitória fora de casa na competição.

 O JOGO

Como havia antecipado o técnico Antonio Lopes, o time iniciou com a mesma formação que havia empatado com o Figueirense, sábado passado. E o jogo começou quente com o América chegando ao ataque com menos de um minuto de bola rolando, quando o lateral Marcos Rocha lançou o atacante Léo, que saiu de frente com o goleiro Victor. O atacante americano foi derrubado na grande área, mas o árbitro apontou apenas escanteio, deixando de marcar uma penalidade escandalosa.

Aos 3 minutos depois, a zaga do Grêmio falhou na grande área e a bola sobrou para o meia Caleb chutar firme, mas o goleiro gremista defendeu no centro do gol.

O Coelho, bem postado em campo e marcando forte no meio, buscava o ataque a todo instante e, aos 16 minutos, em cobrança de falta ensaiada, Amaral cruzou a bola na grande área e o zagueiro William Rocha, de cabeça, antecipou-se à zaga e raspou a bola de cabeça para fazer 1 a 0.

Mesmo com o placar a favor, o América continuou atacando e impondo seu ritmo na partida, sem dar espaços para a equipe da casa, que só chegou aos 22 minutos com o atacante Miralles chutando cruzado da grande área, exigindo do goleiro Neneca uma grande defesa.

Aos 41, o Grêmio chegou novamente com perigo, com Escudero saindo cara a cara com o goleiro Neneca. O gremista chutou pela linha de fundo. Dois minutos depois, Douglas chutou firme e a bola passou raspando o canto direito do gol de Neneca. Apesar da pressão, o Coelho levou a vantagem para o vestiário.

 SEGUNDO TEMPO

O técnico Antonio Lopes não mudou a equipe na volta do intervalo e disse apenas que os jogadores precisam ficar mais atentos contra as investidas do adversário. “Pedi apenas para acertar um pouco a marcação na lateral esquerda, manter a posse da bola e trabalhar mais pelos flancos para saírmos com o resultado positivo”.

O time da casa voltou pressionando e teve a primeira chance do empate aos 3 minutos, em cobrança de falta frontal ao gol de Neneca, com passando por cima do travessão.

Aos 13 minutos, o técnico Antonio Lopes fez a primeira substituição trocando o lateral Thiago Carleto pelo zagueiro Gabriel. Com a troca, o versátil William Rocha passou a jogar na ala esquerda.

 EMPATE

O Grêmio chegou ao empate aos 16 minutos, também em bola parada. Rochemback cruzou a bola na área e o atacante Miralles, livre de marcação, desviando para o gol com um toque sutil.

Um minuto após o gol, Antonio Lopes fez a segunda alteração na equipe, colocando o meia Rodriguinho na vaga de Caleb.

Aos 26 minutos, o atacante Miralles entrou de “carrinho” no volante Dudu e foi expulso. Dois minutos depois, o goleiro Neneca fez uma grande defesa, espalmando para a linha de fundo um chute perigoso de Mário Fernandes.

Em busca da vitória e com um jogador a mais em campo, Antonio Lopes fez a terceira alteração, aos 34, colocando o atacante Eliandro no lugar do volante Dudu. Mas a equipe errava muitos passes, o que facilitava para a equipe do Grêmio.

O time americano tentou o gol da vitória até o fim, mas não conseguiu transformar em gols as chances que teve.

No final da partida, o meia Rodriguinho disse que o time conseguiu impor a proposta de jogo estabelecida pelo técnico. “Sabíamos que o jogo seria muito difícil, mas, no final, dava para ter aproveitado essa vantagem numérica e sair com os três pontos. Está bom, pelo menos levamos um ponto daqui”, contentou-se o meia.

Para o técnico Antonio Lopes, o empate acabou sendo um resultado justo pelo futebol produzido pelas equipes em campo.

O próximo jogo será contra o Coritiba, no próximo domingo, às 18h30, na Arena do Jacaré.

Antonio Lopes não contará com o atacante Fábio Júnior e o lateral esquerdo Thiago Carleto, suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

FICHA DO JOGO

Grêmio-RS 1×1 América

Data: 27 de julho de 2011, domingo

Horário: 19h30

Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre

Árbitro: Péricles Bassols P. Cortez -RJ

Auxiliares: Dibert Pedrosa Moisés –RJ, Ediney Guerreiro Mascarenhas-RJ

Cartões amarelos: Miralles, André Lima – Grêmio-RS; Thiago Carleto, Amaral, Dudu, Caleb, Fábio Júnior, China – América

Cartão vermelho: Miralles

Gols: Miralles (15’ – 2° Tempo) – Grêmio; Willian Rocha (16’ – 1° Tempo)– América

Grêmio: Victor; Saimon, Mário Fernandes, Rafael Marques e Lúcio;Fábio Rochemback, Gilberto Silva, Escudero (Marquinhos) e Douglas (Leandro); Miralles e André Lima. Técnico: Júlio Camargo.

América: Neneca; Willian Rocha, Micão e Amaral; Marcos Rocha, Dudu (Eliandro), China, Caleb (Rodriguinho), Thiago Carleto (Gabriel), Léo e Fábio Júnior. Técnico: Antonio Lopes.

Texto: site oficial do América Mineiro


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


24 nov 2017
Com vídeos! Sucesso dentro e fora da quadra, Copa Toque de Bola de Futsal promete emoção na reta final

22 nov 2017
Basquete dos Intercolegiais: conheça todos os atletas campeões e veja as avaliações dos professores

22 nov 2017
JF Vôlei receita “foco e determinação” para buscar reação contra dois adversários diretos na pontuação

20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.