18 jul 2011

2 a 1 em noite de Wallyson



O Cruzeiro venceu o Bahia por 2 a 1, neste domingo, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, e chegou aos 15 pontos na competição. Os gols do Melhor Clube Brasileiro do Século XX foram marcados pelo atacante Wallyson, um em cada tempo, sendo o primeiro logo aos quatro minutos de partida.

O time estrelado terá a semana inteira para se dedicar aos treinamentos na Toca da Raposa II, já que só voltará a campo pelo Brasileirão no próximo domingo, às 16h, quando vai encarar o líder, Corinthians, no estádio do Pacaembu, em São Paulo, pela 11ª rodada.

 O jogo

GOL! Se o atacante Wallyson havia diuto na sexta-feira, em sua entrevista, na Toca da Raposa II, que esperava um jogo veloz, ele tinha razão. Logo aos quatro minutos, ele abriu o placar para o Cruzeiro. Após cobrança de escanteio de Montillo e desvio de cabeça do zagueiro Titi, Leandro Guerreiro, dentro da área, optou por deixar a bola para o atacante, que vinha coprrendo de trás. Wallyson encheu o pé, rasteiro, e mandou no canto para fazer 1 a 0.

Aos seis minutos, o Bahia quase chegou ao empate. O lateral Vitor não cortou um passe e abola ficou com Jobson, que fintou Fábio e chutou para o gol. Mas o próprio Vitor se redimiu, evitou o gol e afastou o perigo. No entanto, aos 14min, o time baiano chegou ao gol. Após cruzamento de Jancarlos pela direita e uma confusão na área, a bola ficou com Jobson, que dividiu com Fábio e conseguiu completar para a rede.

O Cruzeiro chegou com perigo aos 19min, quando Ortigoza recebeu, dominou, girou e chutou rasteiro, mas o chute não saiu forte e Marcelo Lomba fez a defesa. Aos 28min, após cruzamento da direita, o paragauio Ortigoza subiu bonito e cabeceou forte, mas o goleiro do Bahia fez uma grande defesa, evitando o gol.

 Segundo tempo

O técnico Joel Santana fez uma mudança na equipe para a segunda etapa, colocando o meia Roger no lugar do lateral-direito Vitor. Aos seis minutos, Wallyson tentou pegar o goleiro Marcelo Lomba de surpresa mas, na tentativa de encobri-lo, mandou a bola no lado de cima do gol.

GOL! No lance seguinte, saiu o segundo gol. Ortigoza recebeu lançamento de Montillo, avaçou pela direita, invadiu a área e cruzou rasteiro, mas fraco. No entanto, o zagueiro Titi tentou cortar e mandou a bola em direção ao gol vazio. Wallyson correu, dividiu com outro defensor, e balançou a rede pela segunda vez no jogo: 2 a 1.

Aos 23min, Joel Santana fez a segunda modificação no time azul. O volante Everton entrou em lugar de Ortigoza. Desta forma, o meia Montillo foi adiantado, como um segundo atacante. Dois minutos depois, o Bahia chegou com perigo. Após boa tabela, Jobson invadiu a área e chutou rasteiro, cruzado, mas a bola passou pela linha de fundo. No minuto 33, o meia Dudu entrou no lugar de Gilberto.

O Cruzeiro quase chegou ao terceiro gol aos 38min. Roger lançou Dudu na direita. O meia passou pelo zagueiro Titi, invadiu a área pela direita e cruzou. A bola foi forte, mas Montillo ainda conseguiu dominar e, ao tentar finalizar, com a bola no ar, o goleiro Marcelo Lomba saiu corajosamente e desviou o chute do argentino, mandando para escanteio. Três minutos depois, Everton tabelou com Wallyson pela esquerda e lançou o atacante, que fez boa jogada e cruzou rasteiro. A bola bateu em Fahel e ficou com a defesa baiana.

 CRUZEIRO 2 x 1 BAHIA

Motivo: 10ª rodada do Campeonato Brasileiro

Local: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

Data: 17/07/2011 (domingo)

Horário: 18h30

Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Público: 6.666 pagantes

Renda: R$ 108.625,00

Gols: Wallyson, aos quatro minutos, Jancarlos, aos 14 minutos do primeiro tempo; Wallyson, aos sete minutos do segundo tempo

Cruzeiro: Fábio, Vitor (Roger), Léo, Naldo e Gilberto (Dudu); Marquinhos Paraná, Fabrício, Leandro Guerreiro e Montillo; Wallyson e Ortigoza (Everton). Técnico: Joel Santana

Bahia: Marcelo Lomba; Jancarlos, Titi, Paulo Miranda e Ávine; Fahel, Diones (Gabriel), Helder (Ricardinho) e Carlos Alberto; Júnior (Lulinha) e Jobson. Técnico: Renê Simões

Cartões amarelos: Fabrício, Léo e Leandro Guerreiro (Cruzeiro); Jancarlos, Fahel e Jobson (Bahia)

 Texto: site oficial do Cruzeiro


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

14 nov 2017
Goleiro-artilheiro Edson tem domingo único e Passo da Pátria é campeão da zona rural da Copa Prefeitura Bahamas

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.