05 jun 2011

´Meu português não é tão bom para expressar o que é a torcida do Flamengo´



O meia Dejan Petkovic concedeu sua última entrevista coletiva como jogador de futebol no Rio de Janeiro neste domingo (05.06) após o empate em 1 a 1 com o Corinthians que marcou a sua despedidas dos gramados brasileiros com a camisa do Flamengo. Ainda emocionado com a linda festa que os rubro-negros fizeram, o craque agradeceu todo o carinho recebido neste dia tão especial. Na partida, Renato marcou o gol do Fla ainda no primeiro tempo.

Confira as principais respostas de Petkovic na coletiva:

Emoção

Foi uma situação fenomenal, momento cheio de emoções, lindo como essa cidade. A torcida fez uma grande homenagem. Subindo para o campo, quando vi o mosaico com as cores do meu país, depois as do Flamengo, foi muito emocionante. Fui tocado profundamente no meu coração, mas tive que segurar, pois ainda tinha o Corinthians pela frente. Acho que joguei bem, tocamos a bola, atacamos. Seria mais feliz se saísse com os três pontos, mas, diante dos momentos maravilhosos, estou muito alegre com o empate. Também tenho que agradecer minha família, que sempre me acompanhou. Vocês (jornalistas) também levam grande parte do mérito do meu sucesso.

Gol de falta de Renato

Teve uma falta que o juiz não deu em cima do Wanderley, logo no início da partida. Aquela eu ia bater. Depois, antes do gol, falei com Renato que estava mais para direita, que estava longe, não era para mim. O Renato disse que ia bater, mas pediu para eu ficar ao lado dele. Estou muito agradecido ao Renato por ele ter feito o gol.

Fôlego

Senti a falta de ritmo do jogo, mas acho que me saí muito bem. Fisicamente eu estou bem. Estou satisfeito.

Dia seguinte

Amanhã, é folga para todo mundo, né (risos)?!. Estou me preparando para isso há alguns anos. Mas ficou água na boca, queria comer um pouquinho mais. Dava para jogar mais, porém foi uma decisão pensada há muito tempo.

Flamengo

Como se eu tivesse uma bola de cristal, há 10 anos falei que ia terminar minha carreira aqui. Meu português não é tão bom para expressar o que é a torcida do Flamengo. Depois de 2009, não esperava ter momentos tão importantes. Agradeço a todos.

Amistoso na Sérvia

O jogo será no Pequeno Maracanã. Aqui não foi no Maracanã, que era minha casa, mas agradeço ao Botafogo por ter cedido o estádido. Vou me preparar nesses dois meses até o dia da partida, em agosto. Quero ver todos no meu país, são bem-vindos.

Futuro

Serei embaixador do Flamengo nacionalmente e internacionalmente, vou tentar desenvolver meus projetos. Minha prioridade é continuar no Flamengo.

Texto: site oficial do Flamengo

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


21 set 2017
Tupi pode ter até quatro desfalques. Aílton receita “guerrear e batalhar demais para conseguir o objetivo”

20 set 2017
Tupi fecha treino. Fortaleza em Sampa. Marcelo apita. Ingressos, gramado, reconhecimento, recepção. Veja o diário da decisão

20 set 2017
Copa Prefeitura Bahamas de Futebol Amador: resultados e próximos jogos

19 set 2017
Com vídeo! Evaldo anula Éder, domina, toca para os companheiros e emenda: “Tupi tem totais condições de reverter”

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.