12 jun 2011

No último minuto, Verdão ?!



O Palmeiras viajou até Porto Alegre para enfrentar o Internacional na tarde deste domingo (12), em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após mais de 10 anos, o técnico Luiz Felipe Scolari voltou ao Beira Rio para enfrentar o time gaúcho como visitante, sendo que a última vitória do Verdão contra o Internacional foi sob o seu comando, no Brasileirão de 1997.

Para o confronto, o Palmeiras contou com uma novidade entre os atletas relacionados: a presença do atacante Dinei, que não participou da vitória contra o Atlético-PR por questões contratuais. Porém, não pôde contar com Rivaldo, que se recupera de dores no tornozelo esquerdo.

Com o time bem estruturado e com ótimas participações de Kleber e Marcos Assunção, o Verdão foi superior ao Inter durante os 90 minutos, mas cedeu o empate aos 45min do segundo tempo, e a partida terminou em 2 a 2.

A dificuldade de jogar no Beira Rio era um motivo a mais para os jogadores entrarem em campo em busca de fazer uma boa partida. O jogo começou com o time gaúcho pressionando a saída de bola palmeirense, mas ao longo do primeiro tempo o Verdão se recuperou e partiu para o ataque.

A primeira boa oportunidade do Palmeiras saiu de bola parada. Aos 11min, Adriano partiu para o ataque, mas foi parado por Guiñazu. Na cobrança, Assunção disparou uma bomba no ângulo esquerdo e Renan teve que se esticar todo para mandar a bola para escanteio.

O primeiro cartão amarelo da partida foi para Patrik, após cometer falta na intermediária. A falta levou perigo ao Palmeiras, após Damião receber perto da meia-lua e chutar para Marcos colocar para escanteio.

Depois desse lance, o Palmeiras começou a comandar a partida, marcando a saída de bola do Colorado e permanecendo a maior parte do tempo no campo ofensivo. Aos 27min, Marcos Assunção quase abriu o placar com um gol olímpico.

Antes do árbitro Gutemberg de Paula Fonseca apitar o final da primeira etapa, o Palmeiras realizou a primeira substituição, colocando Chico no lugar de Gabriel Silva, que sentiu dores na coxa esquerda.

Sem mudanças em ambas as equipes, o segundo tempo começou pegado. Aos 5min, o Internacional abriu o placar em um lance infeliz de Márcio Araújo que, ao tentar interceptar o cruzamento, acabou empurrando para o próprio gol.

O Palmeiras não se abalou em campo e, cinco minutos mais tarde, Marcos Assunção lançou uma bola na grande área e Kleber empurrou para as redes adversárias depois de muita confusão, deixando tudo igual no Beira Rio. Internacional 1×1 Palmeiras.

No decorrer da partida, o Verdão mostrou superioridade na partida e levava perigo para o time da casa. Na marca dos 20min, Luan driblou o zagueiro Nei pela esquerda e chutou rasteiro. A bola passou por debaixo do goleiro Renan, que não conseguiu evitar a virada alviverde.

Com o relógio marcando 27min, Felipão gastou a segunda alteração da equipe colocando Lincoln no lugar de Patrik. Com a desvantagem no placar, o time gaúcho partia para o ataque, mas a defesa muito bem armada não deixava o perigo chegar.

Já nos minutos finais, o técnico palmeirense colocou em campo o atacante Dinei, que se recuperou de uma lesão séria no quadril, e tirou Adriano. O jogo já se encaminhava para o final, quando Leandro Damião aproveitou a sobra do escanteio e igualou a partida em Porto Alegre.

Com o empate, o Palmeiras ocupa a 3ª posição da tabela, com 8 pontos ganhos. O próximo confronto do Verdão será contra o Avaí, no domingo (19), às 16h, no Canindé.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 x 2 PALMEIRAS

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Data: 12 de junho, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Gutemberg de Paula Fonseca (Fifa-RJ)

Auxiliares: Rodrigo Pereira Joia (Fifa-RJ) e Rodrigo Corrêa (RJ)

Cartões amarelos: Zé Roberto e Gilberto (Inter); Patrik, Marcos Assunção, Luan e Danilo (Palmeiras)

Gols:

INTER: Márcio Araújo (contra), aos seis, e Leandro Damião, aos 45 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Kleber, aos dez, e Luan, aos 21 minutos do segundo tempo

INTER: Lauro; Nei, Bolívar, Rodrigo e Kleber; Tinga (Fabrício), Guiñazu, Oscar (Gilberto) e D’Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

PALMEIRAS: Marcos; Cicinho, Thiago Heleno, Danilo e Gabriel Silva (Chico); Marcos Assunção, Márcio Araújo, Patrik (Lincoln) e Luan; Adriano Michael Jackson (Dinei) e Kleber. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Texto: site oficial do Palmeiras

 


Voltar

Deixe uma resposta

Notícias


20 nov 2017
Com títulos e recordes, CRIA-UFJF brilha nos Jogos Escolares da Juventude

17 nov 2017
Rodrigo Rezende é 27º lugar no Mundial de Ginástica de Trampolim na Bulgária

16 nov 2017
Saiu a tabela! Tupi encara Cruzeiro e América fora de casa logo no início do Campeonato Mineiro

16 nov 2017
Intercolegiais: professor Tidinho comemora brilho do Jesuítas no vôlei. Veja fotos e nomes de todos campeões

+ notícias

Toque de Bola

O primeiro portal exclusivo de esportes de Juiz de Fora cresceu rápido! Lançado oficialmente em janeiro de 2011, o Toque de Bola conquistou milhares de seguidores também nas redes sociais. Estamos no Instagram, no face, no Twitter. Informação dinâmica, com credibilidade e agilidade.


Acesse

error: Conteúdo protegido.